domingo, setembro 27, 2009

Mais Madame Moreau




Leonardo Cruz

Na entrevista a seguir, concedida no Rio de Janeiro anteontem, a atriz francesa Jeanne Moreau, 81, fala sobre passagens importantes de sua carreira, do trabalho com grandes amigos, como Orson Welles, François Truffaut, Louis Malle e Luís Buñuel. Principal homenageada do Festival do Rio, ela também discute suas técnicas de interpretação e relembra as filmagens de “Joana Francesa”, que fez com Cacá Diegues em 1973, em Marechal Deodoro (Alagoas). Pela agenda apertada da atriz no Brasil, a conversa foi curta, apenas 40 minutos. E ficaram de fora questões sobre nomes importantes na carreira dela, como Antonioni, Fassbinder e Wenders.
...
Leia a entrevista aqui.

2 comentários:

*LV* disse...

Elianne,
Que coincidência!! Pensamos juntos em Jeanne Moreau. A abertura de seu blog ficou muito bonita e mais fácil de carregar.

Beijos

PS: fiquei um tempo longe da blogagem por absoluta falta de tempo. Mas quero retomar nossas conversas.

Luma disse...

Excelente entrevista!

Gostei quando ela disse que a Igreja Católica tem medo do cinema porque “atuar é criar vida”, algo que seria reservado ao divino.

Toma!!

Boa semana! Beijus