domingo, janeiro 15, 2012

Perdi o 'élan'...






Ando estranha em relação ao virtual- perdi o élan- ou o tesão, se preferirem.
Acho que sei o que é, mas deixa pra lá... não tenho  mais vontade de contar o que acontece,
como eu gostava antes de fazer- vivia e ao mesmo tempo, me via narrando aqui.
Algo se rompeu. Eu sei o que é.

A vida vai bem, obrigada, sei que alguns se importam comigo, até muito. Obrigada por ainda estarem aqui.
Vou voltar, eu acho.

O Facebook, que eu não gosto, levou os blogueiros para lá- eu fui levada, mas não me sinto bem.
Lá, todos são felizes, só se fala de coisas boas, só se compartilha fotos sorrindo e viagens e tal.
É um mundo falso como a sociedade em geral- esta sociedade que eu sempre fugi- por isso sou isolada, com certeza.
Vivo cada dia mais em casa. Os meninos estão de férias e o movimento é grande- eu gosto e sou feliz com eles por perto.
Curto enquanto é tempo. Temos um hóspede- meu sobrinho e a namorada- ele é alegrinho e diverte os primos, riem muito. Veem filmes, conversam, se divertem e eu também.
Até breve, quem sabe.
Tenho tido muitos sonhos, mas não há porque contar aqui- perdi a vontade. Cadê o Luiz que gostava dos meus sonhos? sumiu... rs

6 comentários:

Eduardo P.L disse...

Laura,

isso passa! Ou melhor, esperamos que passe! Eu tenho medo de chegar a esse ponto. O que pensamos sobre a blogosfera, e sobre o FB são as mesmas coisas! Mas ainda não cheguei ao ponto de perder o tesão. E se isso acontecer não há mal nenhum tomar um "Viagrazinho" e continuar até essa "coisa" estranha de abandono dos blogs passe! E passará! Tudo passa! Assim caminha a humanidade!
Bjs e BREVE recuperação!

banzai disse...

Eu te entendo perfeitamente, mas não concordo em relação ao Face, eu acho que só veio a somar, porque né, vc vê os adolescentes, jovens, estão todos lá, escrevendo, sim, errados sim, mas estão escrevendo, aprendendo e se comunicando, eu acho super positivo nesse sentido. Ah! uma pena vc não ter mais vontade de blogar :( Concordo com Edu, tudo passa. Quem sabe?
bjooos
madoka

Diz disse...

Eduardo e Madoka, meus queridos. Vcs sempre presentes. EScrevo, mtas vezes pensando na madoka, que gosta de saber do meu cotidiano. Edu, é o amigo especial, todos sabem, o melhor blogueiro- aquele que bloga até em sonhos rs
qdo der vontade, vou postar- tem sido mais fácil colocar vídeos e tal. Aqui faz mto calor tb e ando indolente, vontade de fazer nada- só dormir e ver filmes :)
tb gosto de trabalhar, ainda bem, né, Madoka?
Bjs nos dois qrdos.
Elianne

Silvares disse...

Em Portugal está um frio lindo, luminoso de sol, mas frio, que mordisca na face da gente(como esta palavra é igual em Inglês e em Português até que fica bonito; não é "caradelivro", na verdade é "facedelivro"). O povo continua adorando futebol, cá como aí, só trocamos o Samba pelo pelo Fado; somos tristinhos mas rimos muito também. À noite a novela já não é sempre brasileira, agora a maioria é novela portuguesa, e o povo finge que vê mas eu acho que não vê. A felicidade é uma coisa estranha e, por vezes, invisível que nem fantasma. Mas a gente sabe que ela anda por aí, a gente não vê mas acredita. E vai falando disso... ou escrevendo, seja lá onde for.
:-)

expressodalinha disse...

Até breve. Descansar também faz falta.

Dalva disse...

Epa, volta logo, querida! Fases... como a lua! Quem não as tem? Não tenho FB, detesto e respeito quem gosta, mas não é a minha praia.
Bjão, Dalva.